Possível data de lançamento do álbum country de Tyler e turnê solo

Steven Tyler deu entrevista a uma rádio norte americana dizendo quando sai o seu primeiro álbum country e o que ele planeja fazer após o lançamento do trabalho.

Esperamos sair em turnê assim que lançarmos o álbum, o que vai ser daqui a dois meses. Espero entrar em turnê em junho. Álbum saindo em maio. Agora estamos quase lá, só temos mais algumas coisas para gravar e jogar na parede para ver se grudam.

O primeiro álbum solo da carreira de Steven estava sendo planejado para o final do ano passado. Foi adiado para fevereiro e, agora, é previsto para maio. O cantor deve sair em turnê nos Estados Unidos até o final de agosto, depois vem para a América do Sul com o Aerosmith, onde tem dois shows marcados no Brasil (em São Paulo e em Porto Alegre). Por enquanto, ele tem uma apresentação solo marcada no WE Fest, festival country que ocorre entre os dias 4 e 6 de agosto em Detroit Lakes, Minnesota.
Tyler também deu uma entrevista ao site da revista Rolling Stone, onde falou sobre fama, Aerosmith e, claro, seu novo trabalho. Veja:

Qual é a melhor e a pior parte do sucesso?

Eu sou uma das poucas pessoas que ama notoriedade. Eu amo ser amado pelas pessoas que amam as músicas que minha banda amou o bastante para querer gravá-las. Agora, o outro lado é que todo mundo tem uma câmera no seu iPhone, então você não pode ir a nenhum lugar sem uma foto. Tenho até uma camiseta que tem as palavras ‘foda-se a sua selfie’ com a qual eu ando pelos aeroportos.

Parece que, às vezes, você odeia esse sucesso.

Depende de como você acorda pela manhã. Às vezes você está na academia às 7h30 e você ainda não tomou o seu café e todo mundo que você encontra fica tipo ‘ai meu Deus!’ É como ser bicado por frangos da morte. Mas então existem momentos em que sou grato por uma criança de 9 anos que vem me dizer que adorou o comercial da Skittles para o halftime show do Superbowl, ou quando uma mulher de 40 anos me diz que se casou ao som de I Don’t Want to Miss a Thing.

Você esteve à frente de uma banda cheia de personalidades fortes por mais de 45 anos. O que isso te ensinou sobre liderança?

A não ser que você seja um general em um exército cheio de soldados, você só pode liderar com exemplos. No início, o Aerosmith era um monte de gente fumando muita maconha, tentando acordar alguém com a nossa música e brigando muito entre si. Mas eles me ensinaram muito. E permanecer juntos por 40 anos tem sido a melhor coisa de todas, porque quantas bandas não caíram durante esse tempo?

Parece que vocês cinco perceberam que as forças que os juntam são mais fortes que as forças que os separam.

Falou bonito, meu amigo. Uma das coisas que aprendemos é que não podemos fazer isso sozinhos. Eu nunca seria o cara com o qual você está falando agora se não fosse por nós cinco sentados em uma cozinha de Lake Sunapee em 71 decidindo se mudar para Boston. Não importa o que ele tem dito recentemente sobre inveja, mas eu não poderia estar fazendo esse álbum solo se não fosse por Joe Perry.

O que você entende sobre dinheiro agora que você não entendia há 40 anos?

Eu não quero que meus filhos ouçam isso, mas eu não me preocupava com dinheiro até saber que contadores, managers, advogados e chefes de gravadoras tinham roubado tudo de nós. Eu só pensava ‘cara, se eu pudesse escrever uma música como os Kinks fizeram, como Janis Joplin, como os Beatles, e tivesse um irmão – Joe Perry – para fazer isso junto comigo, o resto vem naturalmente.’ E graças a Deus conseguimos isso. Hoje em dia, caminhamos com contadores e advogados porque, uma vez que você torna algo imenso, os abutres começam a voar. Um dos segredos deste negócio é, se você quer sobreviver, tem de estudar as formas de desviar disso. Mantenha seus amigos perto e seus inimigos mais perto ainda. Tudo isso é verdade.

Quem são seus heróis?

São muitos, mas, na verdade, qualquer um que sobreviveu a algum drama. Pessoas como Dave Grohl. Ele poderia ter desaparecido após o Nirvana, mas ele saiu detrás da bateria e se transformou em um vocalista e guitarrista. Nós dois somos farinha do mesmo saco. Você não vai encontrar pessoas mais pés nos chão do que eu e Dave.

Que música ainda te toca?

Qualquer coisa com uma harmonia bem forte, como os Everly Brothers. Eu sou fã de tudo, desde The Uplift Mofo Party Plan, do Red Hot Chili Peppers, a Hendrix e Led Zeppelin a qualquer coisa que Flea e Tom Morello fazem.

Qual foi a coisa mais extravagante que você já comprou?

Meu Hennessey Venom GT. É um carro com a potência de 1,200 cavalos e parece uma coisa do futuro. Eu pedi para eles me fazerem um conversível. Você sente como se quisesse dirigir pelo deserto e nunca mais voltar. Vai de zero a 270 em 12 segundos, eu acho. É como se fosse uma máquina do tempo!

Qual era o seu livro preferido quando criança?

Minha mãe costumava ler para mim o The Jungle Book todas as noites antes de dormir. Isso meio que me colocou no caminho de escrever as minhas próprias coisas e aprender a fazer de conta. Também o Little Black Sambo. Aquela parte em que ele corre tanto em volta da árvore que o tigre se transforma na manteiga que ele coloca nas panquecas? Isso é demais, cara!

Que livro você está lendo agora?

Eu acabei de terminar o The Story of My Life, de Casanova. Eu amei aquilo! Ele era eu em outra época, metade homem, metade mulher!

O que você quer dizer com isso?

Bom, você já ouviu o Aerosmith – tem muita energia feminina naquilo. Se você está esperando eu dizer que estou saindo do armário, lamento. Paul McCartney tem muita energia feminina e, em John Lennon, mais energia masculina, eu diria. Eu sempre sinto isso.

Quais são as regras que você usa na vida?

Você é o que você come. Durma com um olho aberto. Siga seus sonhos. Tenho muitas. Pessoas hoje em dia estão morrendo lentamente. Ou estão muito na internet e perdendo seu trabalho, ou estão comendo demais! Todas essas coisas vão te derrubar. É tão obvio como as bolas de um cachorro grande.

Comentários

comentário(s)

Igor Lino
Jornalista, já foi estagiário da revista Exame PME, na Editora Abril, e atualmente é colaborador do site Salada de Cinema. Apaixonado por WWE e, claro, Aerosmith.
Recommended Posts
Entre em contato conosco

Entre em contato conosco e responderemos o mais breve possível.

Not readable? Change text. captcha txt