Todas as informações sobre o Rock in Rio que você precisa saber

O Rock in Rio chega ao Parque Olímpico em setembro deste ano e, pela primeira vez na história, terá o Aerosmith como uma de suas atrações principais. Os Bad Boys from Boston encerram o dia 21, com shows de abertura por conta de Def Leppard, Fall Out Boy e Scalene. Os ingressos já estão esgotados, portanto não há mais como comprar entradas para o festival. Para você que garantiu o seu ingresso, vale a pena dar uma olhada nas informações mais importantes que a organização do evento liberou no site oficial (rockinrio.com).
Acompanhe:

Serviço
AEROSMITH NO ROCK IN RIO
Data: 21/09/2017;
Local: Cidade do Rock (Parque Olímpico), Av. Embaixador Abelardo Bueno, 3401 – Barra da Tijuca, Rio de Janeiro – RJ, 22775-039;
Ingressos: ESGOTADOS;
Horários: ainda não divulgados;
Mapa do local: clique aqui.
Cheque este post para atualizações dessas informações.

Termos e condições:
Classificação etária: É permitida a entrada de menores de 16 anos desde que estejam acompanhados dos pais ou responsáveis legais (ascendentes ou colaterais até o 4º grau), que deverão entregar o termo de responsabilidade do acompanhante disponível no link “Informações sobre menores” que estará disponível no site de compras do Rock in Rio 2017 ou inscrevê-lo no Ponto de Informação e permanecer no local do festival enquanto o menor estiver presente. Esta determinação, assim como a classificação etária, está sujeita a alteração nos termos do Alvará a ser expedido pelo Juízo de Direito da Vara da Infância, da Juventude e do Idoso.
Não é recomendável a permanência no evento após às 22h de crianças menores de CINCO anos, mesmo acompanhadas, ficando o descumprimento sujeito à fiscalização pelas autoridades competentes.

Entrada: Tanto o ingresso quanto o Rock in Rio Card, nesta edição de 2017, serão substituídos por uma pulseira com tecnologia RFID/NFC, que permitem a transmissão de dados entre dispositivos móveis por radiofrequência (saiba mais consultando o FAQ aqui). Não haverá, portanto, ingresso de papel ou cartão magnético. Em nenhuma hipótese, será permitida a entrada na Cidade do Rock sem a pulseira, com a pulseira inutilizada, rasgada ou violada por qualquer forma.
A pulseira é válida para somente um dia e funcionará da mesma maneira que o antigo ingresso, porém de forma mais moderna e segura. As pulseiras são diferentes conforme os dias do festival e possuem tecnologia especial para validação eletrônica no controle de acesso. Também permitem participar de diversas ações na Cidade do Rock e, talvez, compra de produtos. É mais rápido, prático e seguro, e após o seu registro, se torna pessoal e intransferível. Maiores detalhes serão divulgados oportunamente.
Atenção: A pulseira deve ser colocada somente no dia do festival, antes do acesso na Cidade do Rock, visto que o fecho da pulseira é inviolável e não será possível removê-la sem danificá-la, não sendo possível sua substituição. A pulseira deverá ainda ser mantida no pulso durante toda a permanência na Cidade do Rock, só podendo ser retirada após a saída. O participante que for encontrado sem pulseira, no local do Evento, será convidado a se retirar.
O ingresso (pulseira) é válido apenas para o local e para o dia nele indicados e armazenados de forma eletrônica no chip, não podendo ser devolvido nem trocado. O Rock in Rio Card (pulseira) só é válido para o dia e local escolhidos em www.rockinrio.com.br, nos termos do item 3 infra, sendo que uma vez feita esta escolha não é possível trocar a data.

Objetos não permitidos: considerando a segurança dos consumidores, não serão admitidos objetos que possam ser considerados perigosos, tais como:
(a) garrafas de qualquer gênero, tamanho ou material (exemplos: garrafas de água mineral, “squeezes”, etc), exceto garrafas plásticas para consumo de água, desde que sem tampa. A tampa poderá ser retirada pela segurança na entrada ou em qualquer local do evento (vide item 7 sobre bebedouros);
(b) embalagens rígidas e com tampa (exemplo: potes de plásticos do tipo “tupperware”);
(c) latas;
(d) capacetes;
(e) armas de fogo ou armas brancas de qualquer tipo (facas, canivetes, etc);
(f) cadeiras/banquinhos;
(g) guarda-chuvas;
(h) objetos pontiagudos;
(i) objetos perfurantes ou cortantes (tesoura, estiletes, pinças, cortadores de unha);
(j) fogos de artificio, dispositivos explosivos, sinalizadores e aparatos incendiários de qualquer espécie;
(l) objetos de vidro, plástico ou metal (perfumes, cosméticos, inclusive desodorantes de qualquer tipo, pasta ou escova de dente);
(m) bebidas (em qualquer tipo de recipiente);
(n) skate, bicicleta ou qualquer tipo de veiculo motorizado ou não;
(o) isopor, cooler ou qualquer tipo de utensílio para armazenagem.
(p) bastão de selfie (extensor para tirar auto-retrato)
(q) itens que possam ser utilizados para marketing de emboscada
(r) substâncias venenosas e/ou tóxicas, incluindo drogas ilegais.
(s) bandeiras ou cartazes contendo mensagens ou símbolos com divulgações comerciais.

Uso de imagem: O titular ou portador de ingresso ou de Rock in Rio Card (pulseira) que ingressar na Cidade do Rock declara aceitar que sua imagem e áudio podem ser captados durante a realização do evento, cedendo, gratuita e definitivamente, todos os direitos de imagem e áudio para todos os fins.

Guarda-volumes: A Cidade do Rock oferecerá serviço de guarda-volumes em quantidade limitada. Os detalhes serão divulgados oportunamente. Aquele que não optar pela aquisição do serviço deverá se responsabilizar pelos seus pertences.

Meia-entrada: O benefício da meia-entrada será concedido aos:
(a) maiores de 60 anos (Lei Federal 10.741/03);
(b) estudantes matriculados em instituições de ensino básico, fundamental, médio (incluindo os de educação profissional técnica e tecnológica) e superior (abrangendo os de pós-graduação, inclusive cursos de especialização e aperfeiçoamento, e extensão), consoante o previsto no Título V da Lei nº 9.394/96 (Diretrizes e Bases da Educação Nacional), das redes pública e privada (Lei Estadual 2.519/96 e alterações), de acordo com a Lei nº 12.852/2013 (Estatuto da Juventude – art. 23), Lei nº 12.933/2013 (Lei da Meia-entrada), regulamentadas pelo Decreto nº 8.537/2015 (art. 3º). Art. 1º da Lei nº 12.933/2013: “É assegurado aos estudantes o acesso a salas de cinema, cineclubes, teatros, espetáculos musicais e circenses e eventos educativos, esportivos, de lazer e de entretenimento, em todo o território nacional, promovidos por quaisquer entidades e realizados em estabelecimentos públicos ou particulares, mediante pagamento da metade do preço do ingresso efetivamente cobrado do público em geral”.
Os estudantes que pretendam fazer jus ao benefício, devem apresentar a Carteira de Identificação Estudantil – CIE, documento que comprova a condição de estudante regularmente matriculado nos níveis e modalidades previstos no item “b” supra, conforme modelo único nacionalmente padronizado, com certificação digital e que deverá conter: nome completo, data de nascimento do estudante, foto recente, nome da instituição de ensino, grau de escolaridade e data de validade até 31 de março do ano subsequente ao de sua expedição. A CIE poderá ser expedida pela Associação Nacional de Pós-graduandos – ANPG, União Nacional dos Estudantes – UNE, União Brasileira dos Estudantes Secundaristas – UBES, entidades estaduais e municipais, Diretórios Centrais dos Estudantes – DCE e Centros e Diretórios Acadêmicos, de nível médio e superior (Seção I do Decreto nº 8.537/2015). Vide liminar proferida na ADI 5108 (STF). Boleto bancário ou comprovante de mensalidade não serão aceitos;
(c) menores de 21 anos (Lei Estadual 3.364/00);
(d) pessoas com deficiência e seu acompanhante (este último, se necessário), mediante apresentação de documento que comprove tal condição – Lei Estadual 4.240/03, Lei nº 12.933/2013 (art. 1º, §8º), Lei nº 13.146/2015 (arts. 42, 44, §7º e 92) e Decreto nº 8.537/2015 (art. 6º), além de documento oficial válido com foto: : (i) Cartão de Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social da pessoa com deficiência; ou (ii) documento emitido pelo INSS que ateste a aposentadoria de acordo com os critérios da Lei Complementar 142/2013. Para o acompanhante: declaração da necessidade de acompanhamento (v. modelo aqui). É permitido apenas um acompanhante pagando meia-entrada por pessoa com deficiência;
(e) professores e profissionais da rede pública municipal de ensino do Rio de Janeiro (Lei Municipal 3.424/02 e 5.844/15).
(f) jovens de 15 a 29 anos pertencentes a famílias de baixa renda, desde que inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal – CadÚnico, cuja renda mensal seja de até 02 (dois) salários mínimos, mediante apresentação, na aquisição do ingresso ou na entrada do evento, da Identidade Jovem, acompanhada de documento de identificação com foto expedido por órgão público e válido em todo território nacional (Lei nº 12.933/2013, art. 1º, §9º; 12.852/2013, art. 23 e Decreto nº 8.537/2015, art. 5º).
As condições para o gozo do benefício da meia-entrada devem estar presentes no ato da compra e no momento do acesso do beneficiário ao local do evento, sob pena de cancelamento da aquisição (vide item 16 para pessoas com deficiência). Neste caso, o beneficiário poderá complementar o pagamento do ingresso ou Rock in Rio Card em seu valor integral ou ter restituída a importância paga na sua aquisição, no prazo e na forma oportunamente definidos pela organização, , descontado, se for o caso, o custo de entrega.
É indispensável a apresentação do documento de identificação que comprove o benefício da meia-entrada no ato da compra, na retirada do ingresso e na entrada do espetáculo, sob pena de cancelamento da aquisição, ressalvada a hipótese das pessoas com deficiência, cuja comprovação será exigida somente no momento do acesso ao evento, em atenção ao disposto na Lei Estadual nº 6.804/2014. A organização se reserva no direito de, a seu critério, não exigir a apresentação do documento de comprovação do benefício da meia-entrada no ato da compra on line, sem prejuízo de exigi-lo, seja na retirada do ingresso, seja na entrada do espetáculo. O beneficiário da meia-entrada fica ciente de que a exibição do documento utilizado para a aquisição do ingresso ou Rock in Rio Card será solicitado pela organização, pela Ingresso.com e/ou pelas autoridades policiais a qualquer momento dentro ou no entorno da Cidade do Rock. Em atendimento à Lei 6.035/11, a organização alerta que CONSTITUI CRIME A EMISSÃO E UTILIZAÇÃO DE CARTEIRA ESTUDANTIL FALSA.

Mudança de programação e/ou horários (caso haja): Os organizadores reservam-se no direito de alterar, a qualquer momento, sem aviso prévio ou qualquer outra condição, a programação e horários pré-estabelecidos, bem como as datas dos espetáculos que vierem a ser divulgadas, especialmente por motivo de força maior ou caso fortuito.
Se a data de algum dos shows for adiada por qualquer motivo, o ingresso ou Rock in Rio Card (pulseira) será válido para a data que for definida posteriormente. Em caso de cancelamento do festival, o valor do ingresso ou Rock in Rio Card válido para essa data será devolvido ao portador salvo o disposto no item seguinte.
Não caberá reembolso do valor do ingresso ou Rock in Rio Card se ocorrer atraso, suspensão do festival e/ou substituição da programação e das atividades da Cidade do Rock, resultante da ocorrência de situação de natureza extraordinária ou imprevisível alheia à vontade dos organizadores.

 

Comentários

comentário(s)

Igor Lino
Jornalista, já foi estagiário da revista Exame PME, na Editora Abril, e atualmente é colaborador do site Salada de Cinema. Apaixonado por WWE e, claro, Aerosmith.
Recommended Posts
Entre em contato conosco

Entre em contato conosco e responderemos o mais breve possível.

Not readable? Change text. captcha txt